Covid-19

“As pessoas não podem ter receio de voltar ao Hospital de Ovar”

“As pessoas não podem ter receio de voltar ao Hospital de Ovar”, garantiu, esta manhã, Carlos Cortes, presidente da Ordem dos Médicos do Centro numa visita ao Hospital Anjo d’Ovar.

O dirigente apelou para que os utentes que deixaram de procurar o Hospital de Ovar por recearem o contágio por covid-19 voltem a recorrer aos seus serviços porque esse equipamento “é completamente seguro”.

Reconhecendo que parte da população deixou de procurar esses e outros hospitais do país durante a pandemia devido ao “estigma” associado à covid-19, Carlos Cortes afirmou: “No presente, o Hospital de Ovar é completamente seguro e, como tivemos utentes que estiveram dois meses sem ir às consultas, sem ser operados e sem fazer o diagnóstico das doenças de que são portadores, o que as pessoas têm que fazer agora é voltar aos centros de saúde e aos hospitais”.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta