EmpresasSlider

Avanca protesta contra encerramento do balcão da Caixa

Avanca pode estar na mira da vaga de encerramentos de balcões da Caixa Geral de Depósitos (CGD). A hipótese caiu que nem uma bomba junto do Presidente da Câmara Municipal de Estarreja, Diamantino Sabina, que pede explicações à CGD.

Informado, de forma informal na última sexta-feira, sobre o fecho da agência da CGD de Avanca, Diamantino Sabina pede esclarecimentos a Paulo Macedo, presidente da Comissão Executiva da Caixa Geral de Depósitos, S.A. e vice-presidente do Conselho de Administração da Caixa Geral de Depósitos, S.A., manifestando o seu “espanto e consternação” pela medida anunciada que vem prejudicar a população de Avanca.

Numa carta enviada ao responsável da CGD, o autarca manifesta a sua indignação e questiona: “Onde estão as vossas políticas de proximidade? De procurar ir ao encontro das pessoas? Parece-vos uma interessante medida comercial? O tempo da austeridade não é passado? Quais os critérios que levaram a tomar esta medida? Porquê Avanca?”.

Diamantino Sabina espera ouvir da boca de Paulo Macedo a resposta a estas e outras questões e por isso pede o agendamento de uma reunião “no mais curto prazo de tempo possível, para que lhe possamos, pessoalmente, dar conta do motivo desta nossa consternação”.

“Queremos que esse balcão se mantenha! A população de Avanca, de quase sete mil pessoas, precisa que esse balcão se mantenha! Eu, como representante máximo deste povo, reivindico-o! Exijo-o!”

O protesto para denunciar e impedir o encerramento do balcão vai mais longe e o autarca ameaça com o fim do relacionamento comercial da Câmara Municipal de Estarreja com o banco, transferindo todas as operações para outras entidades bancárias.

“Vincarei firmemente esta minha posição e ordenarei imediatamente a cessação de quaisquer relações comerciais entre a Câmara Municipal de Estarreja e a Caixa Geral de Depósitos! Aconselharei toda a população de Estarreja a fazer o mesmo!”, adverte.

Depois de ter fechado 64 agências no ano passado, de acordo com as notícias vindas a público, o banco estatal pretende encerrar mais 75  até ao final deste mês, no âmbito do acordo de reestruturação estabelecido com a União Europeia, em 2016.

 

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta