Sexta-feira , 20 Outubro 2017
Ler também:
Campanha de sensibilização para a dislexia

Campanha de sensibilização para a dislexia

A Dislex, Associação Portuguesa de Dislexia, vai lançar uma campanha de sensibilização com o objetivo de derrubar ideias erradas e preconcebidas que existem em torno desta disfunção neurológica. A iniciativa surge no âmbito do Dia Mundial da Dislexia, assinalado amanhã, dia 10 de outubro.

A dislexia afeta 600 milhões em todo o mundo, sendo mais comum do que se julga. Sob o lema “Disléxicos como Nós”, a campanha pública reúne caras mundialmente conhecidas que se destacaram na comunidade e que evidenciam o lado positivo da dislexia, nomeadamente Einstein, Picasso, Da Vinci, Agatha Christie, Van Gogh, Churchill e Spielberg. Engloba também três vídeos que refletem os vários cenários deste problema em contexto real e cartazes de sensibilização que serão divulgados nos órgãos de comunicação social e nas redes sociais. Também o site da Dislex será totalmente remodelado com informação relevante e de apoio a todos os que quiserem saber mais sobre a dislexia.

“A dislexia impacta particularmente as crianças, que são alvo de rótulos ao longo do seu percurso escolar, sendo consideradas menos inteligentes que os colegas. Esta perceção não corresponde à verdade, uma vez que grande parte destes jovens apresentam uma inteligência normal ou acima da média” explica Helena Serra, presidente da Associação.

São estes mitos que a Dislex pretende alterar na sociedade “através de uma campanha que visa sensibilizar a população, educadores e poder político para as características da dislexia e para a necessidade de criar métodos de ensino que ajudem estas crianças a contornar a disfunção. Falamos de uma condição neurológica que afeta uma em cada dez pessoas a nível mundial, atingindo 48% dos alunos com necessidades educativas especiais.” conclui Helena Serra.

Mais informações em www.dislex.co.pt

Deixe uma resposta