Sexta-feira , 26 Maio 2017
Juve: A equipa completa – João Gomes

Juve: A equipa completa – João Gomes

A Juve, de Massimiliano Allegri, parece ser capaz de executar, praticamente na perfeição, todas as tarefas, em todos os momentos do jogo. Vejamos que, tanto ofensiva como defensivamente, os ‘bianco-nero’ são fortíssimos, estabelecendo um incrível equilíbrio durante maior parte dos 90 minutos que disputam, em todos os sectores.

Na estrutura defensiva, seja com quatro ou com cinco homens, há uma coesão fantástica, de extasiar qualquer amante do futebol organizado. Bonucci e Chiellini, os pilares da defesa, são dois dos melhores centrais do planeta. Além das suas excelentes abordagens aéreas, a capacidade de controlar de forma super-eficiente os espaços entrelinhas, obviamente com o auxílio dos médios mais recuados, torna aquela defesa um muro praticamente intransponível.

Não só no centro está a virtude. Se repararmos nas zonas laterais, os dois brasileiros, Dani Alves e Alex Sandro, são do melhor que se vê na Europa do futebol. A sua projecção atacante é uma enorme mais-valia na forma como a Juventus se avantaja em organização ofensiva ou mesmo em transição. Defender, para estes dois, também não é problema, uma vez que na hora de fechar os espaços lá estão os dois compatriotas prontos para estancar a oposição.

No entanto, a surpresa é mesmo a forma como esta equipa se posiciona e trabalha no ataque. Seja em futebol apoiado, quase sempre com o toque mágico de Dybala (e não só), como num estilo mais profundo, onde Mandzukic, Higuaín e Cuadrado, e outros comparsas, são exímios a aproveitar o espaço, esta equipa causa estragos a qualquer defensiva.

Sabem, como ninguém, entrar em tabelas, atraindo a defesa e, no momento certo, variar o jogo para desconcertarem a defesa adversária.

Será esta Juve a equipa mais completa do mundo neste momento? Eu penso que sim. Vejam os resultados e a harmonia do seu jogo. Ah… e não me posso, de forma alguma, esquecer daquele eterno guardião… esse mesmo, Buffon!

João Gomes

Deixe uma resposta