LocalSlider

Maceda: Militares preparam-se para o Afeganistão

“Os militares portugueses estão preparados para enfrentar qualquer incidente”, disse hoje, em Maceda, o comandante da 3.ª Força Nacional Destacada (FND) que vai partir em maio para o Afeganistão.

“Estamos a falar de uma missão que tem tarefas muito específicas e repetitivas que vão ser desempenhadas todos os dias, durante 24 horas”, disse o major Samuel Gomes no Aeródromo de Manobra n.º 1, de Ovar, onde decorreu o exercício final de aprontamento ‘Kabul’.

Constituído por 154 militares, dos quais nove são do sexo feminino, o contingente português vai ficar responsável pela segurança no interior do aeroporto internacional Hamid Karzai, em Cabul, uma missão que Samuel Gomes diz ser de “muita responsabilidade”.

“Temos uma força que ficará responsável pela segurança da linha de voo e temos uma força que está pronta a atuar para fazer face a qualquer incidente que surja dentro do aeroporto”, explicou o comandante da 3.ª FND.

Os militares portugueses vão igualmente fazer a segurança a entidades e a locais sensíveis no interior do aeroporto e controlar os abastecimentos de combustíveis que vêm do exterior.

inicialmente vão partir para o Afeganistão dois pequenos grupos de militares, em 06 e em 13 de maio, devendo o grosso da força partir em 20 de maio.

A estes militares junta-se um grupo de 16 elementos que irá garantir o apoio administrativo e logístico desta força que estará durante seis meses no Afeganistão.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta