LocalSlider

Moradores do Lamarão cansados de esperar por obras prometidas

A placa a anunciar o início das obras de requalificação da pavimentação está lá, mas os trabalhos não se iniciaram. O desagrado dos moradores no Bairro do Lamarão chegou aos Paços do Concelho e o vereador dos Projectos e Obras Municipais foi dar explicações.

Pedro Coelho esclareceu, no local, que já se encontra em execução a empreitada de renovação da rede de abastecimento de água e ramais de ligação na Rua Jorge Barradas, devendo arrancar dentro em breve a empreitada de renovação da rede de abastecimento de água e ramais de ligação na via pública, na Rua Dr. Cunha. Ambas as empreitadas, assegurou, “são da responsabilidade da AdRA – Águas da Região de Aveiro, estando a Câmara Municipal de Ovar a acompanhar os trabalhos”.

Na reunião, Pedro Coelho adiantou que, “só após a intervenção da AdRA, será possível intervencionar toda a zona ao nível da pavimentação e das águas pluviais, estando já a ser elaborado o projecto de requalificação”.

O autarca recordou que a Edilidade disponibiliza o Apoio à Recuperação e Melhoria das Condições Habitacionais, previsto no RASMO – Regulamento de Ação Social do Município de Ovar, que prevê, entre outros, a atribuição de apoios de natureza financeira para a realização de obras, até ao montante máximo de cinco mil euros.

Interpelado sobre questões dos residentes, entre as quais, a dificuldade de escoamento de águas aquando de chuvas intensas, Pedro Coelho informou que os serviços municipais já intervieram através da limpeza das sarjetas, recordando que a obra de fundo só poderá ser realizada após a intervenção da AdRA. O vereador tomou ainda conhecimento de outras situações a requerer intervenção, comprometendo-se a, dentro das competências municipais, envidar todos os esforços para a sua resolução.

No final, Pedro Coelho mostrou-se satisfeito, não escondendo que “há muito trabalho a realizar”, assegurando que pretendo manter esta “política de proximidade com as nossas pessoas, a verificar in loco os problemas, a pugnar pela sua resolução e a esclarecer sempre que necessário”.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta