Política

PAN: “Ria de Aveiro está sob ataque”

O Pessoas-Animais-Natureza reage às descargas na ria para concluir que os problemas vão de um extremo ao outro.

As situações reportadas no Canal de Mira (concelho de Ílhavo), no rio Ul que passa pelos Concelhos da Feira, S. João da Madeira e Oliveira de Azeméis e desagua no Antuã e no Antuã que se estende por vários concelhos são os maiores focos de preocupação.

No canal de Mira o tema tem estado mais focado nas descargas de dejetos humanos e no rio Ul e Antuâ são associadas a descargas de suiniculturas, da índole industrial e doméstica.

“Na verdade sem uma fiscalização capaz, estações de tratamento de águas residuais, saneamento básico e vontade política, não se prevê que terminem tão cedo. Estas descargas afectam gravemente a saúde das populações e os ecossistemas, colocando também em causa a economia local”.

O PAN já prometeu dar apoio a uma eventual queixa do Movimento Maria para o Ministério Público e deixa apelo publico às autoridades nacionais.

“Apelamos às autoridades com capacidade de intervenção na gestão dos recursos hídricos do distrito de Aveiro, Agência Portuguesa do Ambiente, Águas da Região de Aveiro e os diversos Municípios, que concertem esforços com as autoridades de investigação oficiais para detectarem e punirem severamente os prevaricadores, pondo fim aos graves atentados ambientais que, sistematicamente, se têm vindo a repetir e ficado em total impunidade”.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta