EmpresasSlider

Presidente garante que fez tudo para segurar fábrica de jipes

"Investimento não está perdido"

O presidente da Câmara Municipal de Ovar, Salvador Malheiro, refuta, de forma veemente afirmações tornadas públicas que insinuam que o Município não acompanhou de forma adequada os responsáveis pela empresa privada Ineos, interessada em instalar uma fábrica de automóveis 4×4 na região.

Salvador Malheiro conta que, em Junho, se deslocou a Lisboa para abordar as condições do negócio a ser instalado em Ovar e colocou, de imediato, os serviços camarários à inteira disposição da empresa portuguesa “Amazing Wheels”, criada para fazer o referido investimento em Portugal.

Depois disso, “recebi-os em Ovar, na Edilidade e pu-los em contacto com os serviços técnicos da Câmara Municipal de Ovar”, acrescenta o edil que acrescenta: “Quanto aos terrenos (nr: junto da Salvador Caetano, localização pretendida) que são propriedade do Município não havia qualquer problema, mas não nos podemos imiscuir nas questôes relacionadas com propriedades de privados”.

Mesmo assim, Salvador Malheiro acredita que o investimento de 300 milhões de Euros para produzir jipes pode repartir-se por Ovar e Estarreja, porque “as negociações connosco prosseguem e não há qualquer problema”. “Aliás, pelo nosso lado, não podíamos fazer mais”, vinca, olhando para trás.

O Edil espera que todo este alarido levantado em torno da empresa não arrefeça o seu interesse, pois Salvador Malheiro notou que “se trata de investidores muito discretos e que nos pediram o maior sigilo em torno disto tudo”.

A questão tem sido levantada nas redes sociais, nomeadamente elo deputado Municipal eleito pelo CDS, Fernando Almeida, que acusa o executivo de não ter agido de forma empenhada neste processo. “Estou cansado de insistir que Ovar não tem uma estratégia na área do empreendedorismo, mas de nada adianta, pois não tenho poder para alterar nada e quem tem não quer saber”, reforça.

Em causa está um investimento da empresa privada Ineos, multinacional de produtos químicos do Reino Unido, que criou a empresa portuguesa ‘Amazing Wheels’ em janeiro deste ano. A companhia vai produzir jipes com motores da BMW e deverá criar até um máximo de 600 postos de trabalho, em princípio, no Eco Parque Industrial de Estarreja.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta