LocalSlider

Reconstituição dunar do Furadouro em fase de conclusão

A empreitada de “Reconstituição Dunar a Norte da Praia do Furadouro e a Sul do Furadouro – Torrão do Lameiro”, promovida pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA), através da Administração da Região Hidrográfica do Centro (ARH-C) e financiada pelo POSEUR – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, está praticamente concluída.

Os trabalhos incidiram numa extensão total de cinco quilómetros de cordão dunar debilitado pelas investidas do mar, tendo prevista uma movimentação de 280 mil metros cúbicos de areia, proveniente da zona de rebentação, para recarga da duna.

O projecto efectuou o reperfilamento do plano de praia, concluindo com a colocação de geocilindro nas zonas de transição, regeneradoras dunares, renaturalização com plantação de 225.000 pés de estorno e recuperação e execução de passadiços que ligarão o Sul do Furadouro à praia dos Marretas.

O presidente da Câmara Municipal de Ovar, Salvador Malheiro, salienta que “a obra contempla a incorporação de vários geotubos produzidos exclusivamente por empresas vareiras”. Para o autarca vareiro, é motivo de satisfação “o reconhecimento da inovação tecnológica de empresas do concelho de Ovar na resolução de problemas complexos relacionados com erosão costeira”.

O geotubo é uma manga de têxtil sintética pré-fabricada, de diâmetro oval, com altura entre 1 e 2,5 metros que, depois de ser cheia com areia, é coberta por areia. Usada para impedir a destruição de cordões dunares e reter o avanço do mar, parece ser uma alternativa de baixo custo em relação ao tradicional método de defesa da costa através da colocação de pesados blocos de rocha, transportados a partir de pedreiras longínquas. Esta tecnologia dispensa a extracção de pedra, o seu transporte e longos períodos de manipulação de maquinaria pesada para a sua deposição.

Avaliados em cerca de 590 mil euros, os trabalhos prolongaram-se durante cinco meses, terminando a tempo da preparação da próxima época balnear.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta