Cultura

Jovens de Cortegaça e Esmoriz unem-se na criação da Associação Sete Sentidos

Decorreu na tarde de domingo, no auditório do Centro Cívico de Cortegaça, a primeira Assembleia Geral da Associação Sete Sentidos. Nesta primeira sessão do órgão máximo da nova coletividade, os sócios-fundadores aprovaram os estatutos e elegeram a lista A, por unanimidade.

A ASES é uma associação juvenil que tem como finalidade dinamizar e complementar a atividade sociocultural de Cortegaça e Esmoriz, através de uma plataforma de colaboração entre as associações locais, de forma
incrementar a dinâmica jovem das freguesias, apoiando-as e realizando de forma independente atividades.

O objetivo será o de estabelecer assim como principal instrumento um projeto de comunicação na comunidade, a fim de envolver a comunidade de uma forma fácil e rápida, mas também a ajudar as pessoas a conhecerem melhor os assuntos locais, agendas culturais, associativas, políticas ou de outro assunto relevante.

João Lino, presidente e sócio fundador da Associação revela que “este era um sonho antigo, já que desde da criação do grupo informal e projeto de comunicação 7 Sentidos, queríamos por em prática um dispositivo que ajudasse os jovens e associações.” Acrescenta, citando uma intervenção na sessão que “este não é um momento histórico, para já, é o momento de começarmos a trabalhar para depois sim construirmos um novo caminho” citando Madre Teresa de Calcutá: “mesmo que o nosso trabalho seja uma gota num Oceano, sem ela o oceano seria menor.“.

Rui Nunes, presidente da Assembleia da Associação elogiou o espirito de iniciativa do grupo que se apresentou hoje e disse que “estará disponível para colaborar no que foi preciso”.

De destacar o nome dos sócios fundadores: Diogo Martins, Rafael Barbosa, Pedro Almeida, Rui Nunes, Sofia Domingues, Gonçalo Violas, João Lino, Miguel Madureira Dias, Joana Santos, Francisca Pinto, Margarida
Figueiredo, Catarina Fernandes e Emanuel Bandeira.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo