LocalSlider

Bombeiros de Ovar cercados no incêndio de Sever do Vouga

Os bombeiros de Ovar, Lourosa e Albergaria-a-Velha estiveram cercados durante as operações de combate a um incêndio que começou a deflagrar, pelas 6h50 em Sever do Vouga, numa zona de mato. “Apesar de já estarem em segurança, tiveram de aguardar pelo evoluir do incêndio para sair do local”, revelou fonte próxima do comando ao site Bombeiros Para Sempre (http://www.bps.pt/).

O fogo começou numa zona de mato da freguesia de Nogueira, no concelho de Sever do Vouga. Entretanto, alastrou a Albergaria-a-Velha e rodeia Vila Nova de Fusos, ameaçando várias casas nesta localidade, obrigando a

Segundo a Protecção Civil, o fogo “ainda arde com alguma intensidade” e 200 bombeiros foram mobilizados. Pelas 11h, o Grupo de Reforço para Combate a Incêndios Florestais de Coimbra foi accionado e, neste momento, 55 veículos e dois helicópteros estão a apoiar o combate às chamas, que ameaça também um aviário.

“O incêndio está com grande intensidade junto às povoações de Mouquim e Valemaior e está a arder em eucaliptal. Estamos a colocar meios para defender as povoações”, disse, entretanto, à Lusa, o segundo Comandante Operacional Distrital de Aveiro, Manuel Pinheiro.

Segundo a mesma fonte, o combate às chamas está a ser dificultado pelo forte vento que se faz sentir no local. Ao início da tarde, a reportagem da TVI, no local, dava conta da multiplicação de focos de incêndio em vários pontos junto a casas.

Foto: Ricardo Guerra

Artigos relacionados

Deixe uma resposta