LocalSlider

Cenário de caos testa segurança na cidade

Despenhou-se um helicóptero Alouette III na cidade de Ovar. Tudo indica que o acidente tenha ocorrido devido a uma falha no rotor.

Tudo não passou de um exercício, durante o qual foram simuladas consequências múltiplas de um acidente aéreo em zona urbana, com quatro feridos graves e a destruição de dez viaturas, duas das quais em chamas e outras duas com vítimas encarceradas, articulando o treino operacional entre todos os agentes de Protecção Civil, tendo em conta as capacidades e responsabilidades de cada um.

Salvador Malheiro adiantou que o exercício foi um sucesso e que sabendo que “os acidentes graves e as catástrofes naturais podem acontecer a qualquer momento, temos que estar prontos e aptos para tudo”.

A Força Aérea e a Câmara Municipal de Ovar colaboraram neste exercício que atraiu muito curiosos ao Parque de estacionamento em frente a Biblioteca Municipal de Ovar para assistir a um simulacro com uma envergadura nunca antes observada em Ovar.

O presidente da Câmara Municipal de Ovar diz que a prevenção é uma das suas apostas e que o objectivo do exercício desta manhã foi sensibilizar os vários intervenientes para questões de segurança com aeronaves e treinar procedimentos de socorro perante acidentes desta tipologia. (em actualização)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta