Terça-feira , 19 Setembro 2017
Ler também:
Centro 2020 abre concurso para as Micro e Pequenas Empresas

Centro 2020 abre concurso para as Micro e Pequenas Empresas

Na próxima sexta-feira, 07 de julho, pelas 18 horas, o Salão Nobre dos Paços do Concelho vai acolher uma sessão de divulgação e esclarecimento sobre a Abertura de Avisos de Concurso para as Micro e Pequenas Empresas, no âmbito do Centro 2020, promovida pela CIRA (Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro) e a AIDA (Associação Industrial do Distrito de Aveiro).

A participação nesta sessão é gratuita, mas sujeita a inscrição através do email espaco.empreendedor@cm-ovar.pt.
A CIRA e a AIDA, enquanto entidades gestoras de políticas territoriais e no âmbito das suas Estratégias de Desenvolvimento, divulgam conjuntamente os incentivos disponíveis para o território da CIRA.

Com a implementação da Estratégia Integrada de Desenvolvimento Territorial (EIDT) e das Estratégias de Desenvolvimento Local (EDL) é possível o apoio a micro e pequenas empresas, contribuindo para o desenvolvimento e diversificação da economia local e por conseguinte para a promoção do emprego. Estão a concurso 6.910.238,28€.

Estes incentivos serão em diferentes áreas, com financiamentos a fundo perdido entre os 30% e os 50%.

No âmbito do Portugal 2020, as abordagens de desenvolvimento territoriais são consideradas essenciais para a promoção de um crescimento inteligente, sustentável e inclusivo, de forma a promover as especificidades sub-regionais e a capitalizar os seus ativos, permitindo ganhos de eficiência e de integração na prossecução das finalidades de política pública. Neste sentido, na Região de Aveiro esta política materializa-se através de duas abordagens territoriais:

–  Investimentos Territoriais Integrados (ITI), operacionalizada através da EIDT, da responsabilidade da CIRA;

–  Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC), operacionalizada através das EDL Rural e Costeira, geridas, respetivamente, pela AIDA e pela CIRA.

Estas estratégias foram construídas envolvendo o tecido empresarial, o sistema científico e tecnológico, os agentes institucionais, públicos e associativos, de forma a estimular a dinâmica produtiva e empreendedora da região.

Deixe uma resposta