LocalSlider

Cortegaça: Diocese do Porto oferece Casa de São Paulo

Um comunicado diocesano, hoje divulgado, detalha que “em Cortegaça, foi oferecida à Câmara Municipal a Casa de São Paulo, com 53 quartos”.

“Se as circunstâncias o exigirem, a Casa de São Paulo também será usada para isolar pessoas ou como estrutura para-hospitalar”, afirma o comunicado difundido na página electrónica da Diocese do Porto.

Num dia em que o número de infectados no concelho subiu para 232 infectados e 8 óbitos.

A Casa de São Paulo foi também posta à disposição da Administração Regional de Saúde.

“Como ainda não foi precisa e atendendo à situação de isolamento que se vive no Concelho de Ovar, foi a mesma oferecida, também, ao presidente da Câmara Municipal de Ovar, que muito agradeceu”, lê-se no mesmo comunicado.

Se as circunstâncias o exigirem, a casa pode ser usada para isolar pessoas ou como estrutura para-hospitalar. “Além de cinquenta e três camas, dispõe de variadíssimas estruturas de apoio”.

A pedido da Segurança Social, revela a Igreja Católica do Porto, “está a ser feito o levantamento de estruturas paroquiais (centros pastorais, residências não habitadas, salões, entre outros) para eventual acolhimento de utentes não contaminados que tenham de ser retirados de lares da terceira idade.

“Procura-se que, quanto possível, essas pessoas permaneçam no seu ambiente local”, acrescenta a diocese dirigida pelo Bispo Manuel Linda.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta