DesportoSliderVoleibol

Esmoriz GC acusa, Henrique Araújo ameaça processar

Na sequência da assembleia geral de sócios, realizada no passado dia 15, a direcção actual do Esmoriz GC emitiu um comunicado no qual analisa e reclama da gestão financeira de há 15 anos.

O clube revela que vai intentar uma acção judicial contra o vice-presidente da direcção do biénio 2004/05, Henrique Araújo, que acusa de ser “o mentor da introdução de facturas falsas no circuito contabilístico do clube”.

Contactado pelo OvarNews, o assessor do presidente da Câmara Municipal de Ovar lamenta que o estejam a envolver nesta caso, cerca de 15 anos depois dele ter sido despoletado e julgado, tendo sido absolvido de todas as acusações.

De acordo com informação prestada pela sua mandatária judicial, Marília Ferreira da Silva, os factos ocorridos há 15 anos atrás, “foram objecto de inspecção por parte da Autoridade Tributária, tendo dado origem ao processo mencionado no Comunicado do E.G.C. de Esmoriz, processo 129/04.6IDAVR do Tribunal Judicial da comarca de Aveiro, Juízo Central Criminal de Aveiro-Juiz 1, tendo o meu cliente sido absolvido, como se comprova pela sentença proferida no referido processo” (imagem em baixo).

Henrique Araújo disse ainda ao nosso jornal que o renascimento deste processo não é inocente e anunciou que vai processar aqueles que estão a atentar contra a sua dignidade e o seu bom nome.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta