Política

PCP solidário com luta dos trabalhadores da Sorgal

O PCP de Ovar está solidário com os trabalhadores que estiveram em greve na Sorgal – Sociedade de Óleos e Rações, S.A..

“É importante frisar que resultado de reivindicações anteriores, os trabalhadores conseguiram melhores condições contratuais e respectivos acertos salariais”, diz o PCP em comunicado e que “há vários anos, além de não haver aumentos salariais, os trabalhadores recrutados para a área de produção assumiam a categoria mais baixa – Auxiliar de Laboração – qualquer que fosse a função que desempenhassem”.

Os trabalhadores lutam pelo aumento salarial de 40 euros por mês para todos, e se este objectivo não for alcançado no próximo processo negocial, prometem voltar à luta, podendo repetir o recurso à greve e se se justificar de forma mais prolongada.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta