Política

PSD: Álvaro Santos apoia Luís Montenegro nas directas

O antigo líder da concelhia do PSD e candidato à presidência da Câmara Municipal de Ovar, Álvaro Santos, anunciou que vai apoiar a candidatura de Luís Montenegro à liderança do partido.

Apesar de considerar que o acto eleitoral que se vai realizar em janeiro próximo para a liderança do PSD apresenta “uma base eleitoral reduzidíssima (cerca de 20% do universo eleitoral)”, em sua opinião, devido a uma “desmotivação reinante dos militantes face a uma liderança errática, nos últimos dois anos, que não entusiasmou, que segregou e que, muitas vezes, hostilizou os seus próprios militantes e dirigentes”.

No entanto, o antigo ‘chairman’ da Porto Vivo – Sociedade de Reabilitação Urbana da Baixa Portuense, entende que “este acto eleitoral reveste-se de uma grande importância para o futuro do PSD, para mais atendendo aos resultados medíocres alcançados nas últimas eleições legislativas, em que o partido obteve um dos piores resultados de sempre da sua história”.

“O PSD precisa de mudar de vida”, defende o social-democrata ovarense, acrescentando que, “para isso é fundamental devolver a palavra aos seus militantes de base. Sem caciques ou arregimentamentos motivados por meros interesses circunstanciais ou ambições pessoais”.

Neste cenário, continua, “é indispensável o pagamento de quotas por parte dos militantes e que, regra geral representa 1 euro por mês, ou seja, mais ou menos, o preço de um café”.

É este valor que está em causa – o preço de um café- “que separa o presente sem esperança de uma liderança autoritária para com os seus e subserviente para com os adversários, de um futuro liderado por alguém que seja capaz de mobilizar internamente o PSD para, depois, conquistar a confiança dos portugueses”.

“É, por isso, que eu apoio Luís Montenegro”, conclui.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta