LocalSlider

PSP guardou carro com janela aberta e recebe “elogio público”

A situação passou-se em Lisboa, mas o cidadão é vareiro: Trata-se do antigo cronista do OvarNews, Ricardo Alves Lopes.

Deixemo-lo contar a história pelas suas próprias palavras:

«À meia noite de um dia da semana, recebo uma chamada dos meus pais, serenos em Ovar, que a Polícia de Lisboa precisava falar comigo. Isto porque, em plena ronda da noite, depararam-se com um carro com a janela do passageiro aberto, mexeram no porta luvas à procura de uma identificação e nos documentos do carro chegam ao meu nome e ao número fixo de casa dos meus pais.

Após esta chamada dos meus pais, vou a correr para o carro e deparo-me com 3 agentes, com o carro patrulha ao lado do meu carro, a guardarem a janela aberta. Pedem a minha identificação para confirmar a identidade, pedem-me para confirmar se não me roubaram nada e não se vão embora sem confirmar se já tinha fechado a janela.

Com a pressa, não decorei o nome dos três agentes. Mas queria deixar um elogio público à Polícia Segurança Pública! Vivemos tempos conturbados, que por vezes nos fazem desvalorizar o que temos de mais certo e focarmo-nos em causas importantes, mas que podem colocar em causa quem nos ajuda a viver num país feliz, com opiniões ou cartazes infelizes. Mas compete a cada um de nós partilhar o que de bom nos trazem. E hoje eu tive uma prova disso e estou a partilhá-la!

Muito obrigado à Polícia de Segurança Pública – Comando Metropolitano de Lisboa e aos simpáticos agentes que me marcaram. O meu respeito, agradecimento e reconhecimento! Fizeram-me sorrir, e haverá maior prova de segurança que um sorriso?»

Artigos relacionados

Deixe uma resposta