LocalSlider

Tudo azul na costa atlântica ovarense

O presidente da Câmara Municipal de de Ovar agradeceu a todas as autoridades envolvidas no êxito alcançado nesta época balnear. Pela primeira vez na história, há Bandeiras Azuis em todas as praias atlânticas do concelho.

Dos Marretas a Esmoriz, passando pelo Furadouro, Maceda e Cortegaça. Tudo azul. Um feito que não é total, porque a praia fluvial do Areinho, galardoada pela primeira vez, não hasteou o galardão de qualidade balnear, porque decorrem os trabalhos de desassoreamento da Ria de Aveiro. O Município espera içar a Bandeira Azul após a conclusão dos trabalhos.

Salvador Malheiro vincou que o concelho tem “praias de excelência, galardoadas com Bandeira Azul, com Qualidade Ouro e algumas com Bandeira Praia Acessível”, manifestando a convicção de que em breve poderão estar ainda melhores.

Os quebra-mares previstos para travar a erosão na costa ovarense são para avançar. “Essa solução, quando for implementada, vai estabilizar o areal, na medida em que vai reduzir a energia das ondas nesta região”.

No que toca aos 2,5 milhões de metros cúbidos de areia previstos para alimentar os areais, o Edil informou que o Ministério do Ambiente pretende lançar as duas intervenções em simultâneo, aguardando a abertura do próximo Quadro Comunitário de Apoio para concorrer ao financiamento.

O Município investiu cerca de 85 mil euros na preparação dos areais das praias do concelho, apesar de “não ser uma competência nossa”.

Esta manhã, a cerimónia do hastear da Bandeira Azul repetiu-se cinco vezes: começou na Praia do Torrão do Lameiro, rumou ao Furadouro, passou por Maceda, seguiu para Cortegaça e terminou em Esmoriz.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta