CulturaVerão 2022

“1618” é o filme português mais premiado de sempre – Pedro Damião

Produzido pela Lightbox, com realização de Luís Ismael, “1618” estreou esta semana e conta com a participação do actor vareiro Pedro Damião que não esconde o orgulho por ter entrado nesta produção, ao lado de Pedro Laginha, Catarina Lacerda, Francisco Beatriz, Mafalda Branqart, Heitor Lourenço, Pompeu José, entre outros.

“Foi um prazer e um orgulho ter feito parte do vosso percurso e ter feito parte do filme português mais premiado de sempre”, comentou o actor ovarense. “Foi uma incrível experiência. Aprendi muito e fiz amigos que ficarão para a vida”, adicionou.

A história que se conta, em “1618” está “para além do guião, para além das imagens criadas entre as palavras”, considera o actor que desempenha o papel de Guarda Pedro, guarda da cidade portuense.
“O filme tem dezenas de prémios conquistados lá fora. É o filme português mais premiado de sempre. Penso que isso significa que já vingou.
Como escrevi algures, tomo-o como um documento, não por se tratar de uma história com factos verídicos, mas porque sinto ser um filme mais narrativo, até pelo ritmo, do que um filme de acção ou o que se queira chamar. Há um ritmo constante e isso é difícil de se fazer; o facto do filme ser ausente de clímax, na minha perspetiva, e ser preenchido de tensão, do início ao fim, dá-me a sensação que documenta sem qualquer tipo de ilusões. Uma vida perseguida não tem espaço para viver livre e isso está implícito na realização, na montagem, na interpretação.
Quero eu dizer que, por todas estas questões, torna-se um filme diferenciador e não me surpreende que tenha ganho tantos prémios”.
A “perseverança de um povo reflecte o trabalho incessante do Luís Ismael, da equipa Lightbox Film & Advertising e de todos os profissionais, amigos e colegas, com quem me cruzei neste projecto”. Para Pedro Damião, “o caminho está livre para novas aventuras”.

Baseado em factos verídicos, o filme “1618” conquistou mais de 50 prémios internacionais em festivais de cinema, tornando-se o filme português mais premiado de sempre.

Com a participação de 1.200 figurantes e uma fase de pós-produção que se estendeu ao longo de 14 meses, incluindo a elaboração de 150 planos com efeitos visuais, “1618” é uma das maiores produções cinematográficas realizadas em Portugal.

Leia mais sobre o filme aqui.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo