CulturaPrimeira Vista

1,8 Milhões de euros para a requalificação do Esmoriztur

O executivo municipal ovarense aprovou hoje o projecto de execução, bem como a autorização do início de procedimento de Concurso Público da Empreitada de Requalificação do Edifício do Esmoriztur.

Avaliada em 1,8 Milhões de euros, a empreitada prevê reabilitar o edifício designado por Cineteatro de Esmoriz, com o intuito de devolvê-lo ao usufruto da população.

Assim, será reabilitado o coração do edifício – sala de espetáculos, mantendo a sua função de espaço para atividades culturais, nomeadamente cinema e teatro, prevendo-se ainda a sua utilização para sala de conferências, concertos e todas as atividades que possam usufruir de um anfiteatro de grandes dimensões com capacidade para acolher confortavelmente 500 pessoas sentadas.

Paralelamente, coexistirão o gabinete administrativo, o posto de segurança, sala de reuniões, foyer, cabine de projeção, camarins, bar/cafetaria, e na cave uma outra sala para atividades culturais e formação, entre outros.. Destaque para o aumento da profundidade do palco, o aumento do backstage e a implementação de um acesso direto ao exterior para cargas e descargas.

Toda a reabilitação foi planeada de forma a otimizar as condições existentes e adaptá-las a novas exigências regulamentares, não tendo sido descuradas todas as questões relacionadas com a segurança e acessibilidade do edifício.

Salvador Malheiro, presidente da Câmara Municipal de Ovar, mostrou-se satisfeito com a aprovação deste projeto estruturante para a cidade de Esmoriz e para o Município de Ovar, afirmando “É nosso desiderato afirmar o Esmoriztur como espaço cultural do Município, a par de outros equipamentos culturais, pelo que a sua requalificação era imprescindível.”

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo