Política

PSD: Exploração de caulino desactivada preocupa

Nas Jornadas Abertas dedicadas à freguesia de São Vicente de Pereira, o social democrata Manuel Reis apontou o “estado em que se encontra a actividade de exploração de caulino, na zona inicial, hoje desactivada, porque a empresa privada que detém a exploração deslocou explora a actividade de extracção numa zona mais a norte da freguesia”.

Na visita que a estrutura concelhia efectuou, o eleito local lamentou o “inadmissível estado desta zona, a Insegurança e desordenamento paisagístico e urbanístico adjacentes dão parentes”.

Para Manuel Reis, “é tempo da autarquia (freguesia) e do Município em comunhão de esforços, zelarem pelos interesses deste abandonado território (e das gentes Vicentinas), no sentido de a empresa se sentir/ficar obrigada a destinar uma parte e na recuperação da rede viária, que se deteriora drástica e rapidamente devido ao trânsito de viaturas pesadas com as cargas de caulino que diariamente circulam nas estradas vicentinas”.

Para não falar já do relevante dano que a freguesia tem, “ao ter parte relevante do seu território afecto à referida extracção de caulino, impedindo os proprietários particulares de fruirem plenamente dos seus bens para o que quiserem”, acrescentou.

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo