Cultura

Antigo dirigente do rancho folclórico “As Andorinhas de S. Silvestre” vai a enterrar

O funeral de José Ruela, de 55 anos, residente no Bunheiro, na Murtosa, está marcado para amanhã, às 17 horas, na Igreja Paroquial do Bunheiro.

José Ruela foi uma das duas vítimas mortais do acidente de trabalho ocorrido na barragem do Fratel, no início desta semana, quando efectuava trabalhos de manutenção, em altura, na barragem, em Nisa, no distrito de Portalegre.

O Comando Distrital de Operações de Socorro de Portalegre explicou à agência Lusa que José Ruela e outro  homem “estavam a trabalhar num objecto suspenso numa grua”, o qual “caiu à água” da barragem.

A Murtosa está de luto por José Ruela, conhecido pelas actividades associativas. O rancho folclórico “As Andorinhas de S. Silvestre”, onde chegou a ser dirigente e músico, não esconde a tristeza.

“É com profundo pesar que damos conta do falecimento do José Ruela, elemento do nosso rancho durante várias décadas, foi nosso acordeonista e ocupou também diferentes cargos na direcção. À família enlutada, os nossos mais sentidos pêsames e que a sua alma descanse em paz”.

Também o vice-presidente da Câmara Municipal da Murtosa, Januário Cunha, manifestou a sua tristeza. “Na certeza de que a Vida é ciclo e sopro ténue, há partidas que nos surpreendem por nos parecerem, a nós, eternos decifradores dos ignotos desígnios Divinos, cedo demais. Até já, amigo Zé Ruela.

Um abraço solidário à família e às minhas Andorinhas de São Silvestre”.

 

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo