DesportoOutros

ARC Sport entre os favoritos para vencer o Campeonato Nacional de Ralis

Depois de vencer a prova inaugural do Campeonato de Portugal de Ralis 2021
com Ricardo Teodósio e José Teixeira, a equipa de Aguiar da Beira
pretende voltar a levar o Skoda Fabia R5 evo ao primeiro lugar do pódio
nacional, naquela que é a prova mais cotada do calendário.

“Esta é sem dúvida uma grande etapa do campeonato. Repetir o resultado
da primeira prova do ano é o nosso grande objetivo, embora seja sempre
mais complicado. Fizemos uns reconhecimentos bastante positivos, os
troços estão em bom estado e o teste ao Skoda correu bastante bem. Por
isso estamos muito focados em vencer para o CPR, embora perante uma
forte concorrência com muita experiência, com pilotos a querem
demonstrar o seu valor numa prova como o Rally de Portugal.

Vamos dar o nosso máximo e tentar voltar a vencer”, afirmou Ricardo Teodósio.
Depois de uma exibição de sonho por Terras d’Aboboreira, Miguel Correia e
António Costa pretendem manter a excelente postura e o resultado na edição
deste ano do Vodafone Rally de Portugal, com a última evolução do Skoda
Fabia R5 evo.

“Vou partir à descoberta de um rali novo, onde nunca participei. Vou ver
como irá ser esta experiência nova, que será sem dúvida uma descoberta
enorme. Ambiciono chegar aos lugares de topo, embora seja mais difícil,
porque os meus principais adversários já conhecem a prova. Sei que
vamos apanhar os troços mais degradados quando chegar a nossa vez, e
por isso, será um rali cheio de novidades para mim. Os testes correram
muito bem e estamos confiantes para alcançar mais um bom resultado”,
disse Miguel Correia.

Com uma aposta arrojada, Paulo Neto e Vítor Hugo pretendem efetuar todas
as classificativas da prova do WRC, depois de terminar a prova pontuável para
o Campeonato de Portugal de Ralis. Um teste de longa duração ao Skoda
Fabia R5 é o grande objetivo.

“Este é um rali que equivale a três provas do CPR, mas vai servir para
fazer mão ao Skoda e acho que vamos sair com uma boa experiência
depois de disputar todos os troços da prova. Correu tudo bem nos
reconhecimentos, e os troços estavam em boas condições. Uma boa dose
de sorte é sempre necessária nestas coisas, e apesar de pouco tempo
para treinar, vamos fazer tudo para conseguir efetuar o maior número de
quilómetros neste rali do WRC”, concluiu Paulo Neto.

A ARC Sport está entusiasmada em mais uma participação no Vodafone Rally
de Portugal, uma prova do WRC onde é possível comparar andamentos e
medir comportamentos competitivos. A principal aposta é voltar a vencer para o
CPR e, se possível, voltar a conquistar mais posições no pódio nacional. Para
além das três equipas portuguesas, a estrutura de Aguiar da Beira vai ainda
dar apoio a mais um Skoda Fabia R5 com o holandês Kees Burger ao volante,
navegado por Reeta Hamalainen da Finlândia.

“Este é sem dúvida um desafio demasiado importante, onde tudo faremos
para alcançar as melhores posições e chegar à vitória entre os
concorrentes nacionais. Com todos os elementos da equipa empenhados
e muito entusiasmados, como é sempre o nosso hábito, vamos criar as
melhores condições para que tudo corra pelo melhor às nossas equipas”,
afirmou, confiante, Augusto Ramiro.

O Vodafone Rally de Portugal disputa-se entre 20 e 23 de maio e é a 4ª prova
do WRC 2021 e a 2ª pontuável para o Campeonato de Portugal de Ralis.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo