Cultura

As “Amélias” de Amélia Muge em Espinho

O trabalho de Amélia Muge é reconhecido pelo seu ecletismo, com revisitações que vão às raízes da música tradicional, passando pelos desafios de fusão multicultural e pelas linguagens mais contemporâneas.

O disco Amélias surge na continuidade deste canto com vozes dela própria, inspirado, sobretudo, na riqueza do canto feminino em grupo, muito dele a cappella, trazendo memórias sonoras dessa expressão vocal tradicional, numa leitura mais contemporânea, sem, no entanto, lhe retirar a raiz comum, revisitando também outras e novas abordagens.

Em concerto, às vozes de Amélia juntar-se-ão outras três vozes de cantoras instrumentistas (violoncelo, teclado e percussões) que acentuarão e darão eco ao jogo de vozes existente no disco, recriando temas, acrescentado outros, numa homenagem de contornos inesperados ao canto no feminino.

Muito perto da terra onde tem família, Amélia e o seu mais recente disco Amélias (2022), após ter gravado o documentário com o mesmo nome e centrado na conceção do álbum, em janeiro deste ano, no AdE.

A voz de Amélia Muge será acompanhada com as vozes e instrumentos de Catarina Anacleto (violoncelo), Maria Ceira (percussão) e Rita Maria (percussão).
Este disco apresenta uma coleção de 13 postais pela Amélia Muge ilustrados que completam o seu trabalho musical.

Data
05 Nov
Hora
21:30

Local: Auditório de Espinho – Academia
Preço: NORMAL: 8€ // CARTÃO AMIGO: 4€

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo