Empresas

Aumentam relatos de empresas que furam estado de calamidade

Estão a chegar até nós diversas reclamações que dão conta de empresas, sediadas nas freguesias de Cortegaça e Esmoriz, que estão a laborar e a intimar os seus funcionários a irem trabalhar.

Um testemunho que nos chegou refere que uma dessas empresas “está a laborar e ainda para mais os funcionários que, por exemplo, são na sua maioria da cidade da Maia e de Valadares, estão a ser coagidos a irem trabalhar”.

Perante as dúvidas dos empregados, segundo este testemunho, “o administrador está a informar que se eventualmente forem parados por um controlo para dizerem que trabalham numa empresa essencial e a polícia deixa passar”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo