Publicidade
Empresas

Aveiro lança Aveiro Tech City Challenges com prémio global de 120 mil euros

Estão abertas as candidaturas à 1ª edição do “Aveiro Tech City Challenges”, uma iniciativa promovida pelo município de Aveiro que pretende dar a oportunidade a startups, scaleups e centros de I&D para desenvolverem e testarem soluções e produtos inovadores em ambiente real, na área das Cidades Inteligentes e da Internet das Coisas.

José Ribau Esteves, presidente da Câmara Municipal de Aveiro, adianta que “o ‘Aveiro Tech City Challenges’ consiste numa iniciativa de promoção, desenvolvimento de ideias e projetos inovadores que respondam aos desafios urbanos”, prosseguindo a sua política de desenvolvimento económico e de criação de negócio, suportada por um acesso cada vez maior a soluções tecnológicas que permitem o desenvolvimento de modelos de negócio inovadores e disruptivos. “Cabe-nos enquanto agentes de governação pública lançar e promover políticas públicas que contribuam para o desenvolvimento de ecossistemas favoráveis à criação de emprego e que permitam a criação de bens e serviços diferenciadores e capazes de acrescentar valor ao mercado”, sublinha ainda o autarca.

Desafios urbanos e Aveiro Tech City Living Lab valem 120 mil euros em prémios

publicidade

Até ao dia 14 de abril, é possível concorrer ao “Aveiro Tech City Challenges” nas categorias Desafios Urbanos e Aveiro Tech City Living Lab, numa estratégia que se propõe atrair projetos mais inovadores e disruptivos, que permitam ter uma visão do que serão as cidades do futuro, e que atribuirá um valor global de 120 mil euros.

Nos Desafios Urbanos, os interessados encontram três temáticas distintas, nomeadamente a  Gestão de Acessos e Pagamento nas Feiras Municipais, que procura solução tecnológica vocacionada para a gestão do acesso de Feirantes a eventos organizados pela Câmara Municipal de Aveiro, integrando solução de controlo de pagamento, a Gestão eficiente de consumos de água em jardins, direcionada para uma solução tecnológico que assegure a otimização dos consumos de água no âmbito de rega de jardins e, por fim, a Monitorização da Eficiência Energética de edifícios públicos, vocacionada para uma solução tecnológica composta por sensores e plataforma de gestão que permita a quantificação de consumos energéticos em edifícios pelos vários tipos de fonte energética e a respetiva identificação de desperdícios e oportunidades de poupança.

Já a categoria Aveiro Tech City Living Lab pretende selecionar três projetos que tirem partido da infraestrutura existente em Aveiro para desenvolver projetos na área das Cidades Inteligentes e Internet das Coisas. Recorde-se que Aveiro está dotada com o único laboratório em Portugal com uma rede 5G experimental operacional no centro urbano de uma cidade, convidando centros de investigação, empresas e universidades, a desenvolver, testar e validar conceitos inovadores, novos produtos e serviços, assumindo-se como um ecossistema de inovação aberto, com um conjunto de serviços disponíveis.

O Aveiro Tech City Living Lab é suportado numa infraestrutura rede de tecnologia ótica e rádio rede, interligando mais de 40 unidades rádio e cerca de 16Km de fibra. A rede fornece comunicações de curto e longo alcance e unidades de computação avançada, cobrindo a área urbana da cidade de Aveiro. Estas unidades estão distribuídas pela cidade de Aveiro através de dois tipos de estruturas fixas (em 44 locais): em postes desenhados para integrar esta tecnologia e em fachadas de edifícios. A infraestrutura de comunicações inclui ainda uma rede 5G, cobrindo a área urbana da cidade, que disponibiliza comunicações 5G em modo non-standalone (NSA) standalone (SA) aos projetos e utilizadores finais, com recurso a um core 5G gerido pela Altice Labs.

Das candidaturas apresentadas serão pré-selecionados 25 projetos, cinco semifinalistas para cada desafio urbano e 10 semifinalistas na categoria Aveiro Tech City Living Lab, sendo selecionado um vencedor por desafio urbano e três vencedores na segunda categoria. Os seis vencedores têm acesso a um prémio monetário de 20.000 euros cada.

As candidaturas podem ser efetuadas em https://www.aveirotechcity.pt/, até ao dia 14 de abril, data após a qual serão selecionados os projetos semifinalistas. No início de maio serão anunciadas as 25 candidaturas que seguirão para a fase Aveiro Tech City Pitch, agendada para 9 de maio, seguindo-se o evento de kick off e formação para os projetos finalistas. De junho a outubro decorre a fase de desenvolvimento e teste, estando os demodays previstos para a Aveiro Tech Week 2022, em outubro. O final pitch decorre a 14 de outubro, sendo que até 30 de novembro serão realizados os ensaios finais e a conclusão do desafio.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo