LocalPrimeira Vista

Bombeiros de Esmoriz auxiliam no combate a fogo de Coimbra

Uma equipa dos Bombeiros Voluntários de Esmoriz integrou-se, esta tarde, no Grupo de Reforço para Incêndios Florestais de Aveiro que se encontra a combater o grave fogo florestal que deflagrou na zona de Coimbra. A missão é composta de um Veiculo Florestal de Combate a Incêndios com 5 homens e um Veículo de Comando Táctico com o 2.º Comandante Artur Jorge.

A aldeia de Vale de Cabras, perto de Coimbra, chegou a estar ameaçada pelas chamas à hora de almoço e a Autoestrada 13 esteve cortada nos dois sentidos, entre Coimbra e o nó de Condeixa-a-Nova.

De acordo com informações do Centro Distrital de Proteção Civil  (CDOS) de Coimbra, estão no local cerca de duzentos bombeiros que tentam evitar que o incêndio destrua 30 a 40 casas da aldeia do concelho de Coimbra.

A TVI 24, que avançou com a notícia, dá conta que o fogo cercou a aldeia de Vale de Cabras e tem imagens do incêncio perto de habitações, que ficam em  pleno vale do Ceira.

O número de bombeiros no terreno já subiu para 215, ajudados por sete meios aéreos e 59 veículos, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Coimbra.

A mesma fonte precisou que o fogo teve início cerca das 12:42, na localidade de Almalaguês, tendo-se depois estendido à freguesia de Ceira.

Fonte do CDOS adiantou à agência Lusa que, neste momento [às 16h50], não existem habitações em perigo, mas que casas de várias povoações estiveram ameaçadas.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo