EmpresasSlider

Bosch com nova parceria com o Agrupamento de Escolas de Ovar Sul

Componente prática do curso de Técnico de Eletrónica, Automação e Computadores será ministrada na empresa

A Bosch estabeleceu uma parceira com o agrupamento de escolas de Ovar Sul, no âmbito da qual irá receber alunos do Ensino Profissional do curso de Técnico de Eletrónica, Automação e Computadores para a realização da componente prática deste curso. A iniciativa que vai arrancar este ano letivo, começa com 11 alunos do 10º ano do referido curso técnico profissional e terá a duração de três anos, correspondente à conclusão do 12º ano de escolaridade. Esta parceria materializa-se não só através da disponibilização das instalações da empresa e meios técnicos para a formação prática, mas também numa participação ativa dos profissionais da Bosch no acompanhamento destes alunos.
A componente prática do curso será assim ministrada nas instalações da Bosch em Ovar, o que se traduz numa oportunidade para os alunos de terem um contacto direto com a empresa, assim como uma noção mais real do que é trabalhar numa indústria eletrónica como a da Bosch.
“Acreditamos que esta parceria será benéfica para as duas partes. Por um lado, os estudantes ganham motivação e maior contacto com o ambiente de trabalho, tendo a oportunidade de

de o fazer numa empresa internacional. Por outro, podemos formar os jovens ao logo destes 3 anos, dando-lhes as ferramentas e o espaço para que possam desenvolver os seus conhecimentos, podendo inclusive alguns deles vir a trabalhar connosco no futuro”, explica Marlene Rosário, responsável de Recursos Humanos da Bosch em Ovar.
Este projeto pretende ainda reforçar o compromisso e a proximidade da empresa com a comunidade onde está inserida. “Muitas vezes os estudantes que optam por não seguir para o ensino superior politécnico ou universitário acabam por ver as suas opções bastantes limitadas no que concerne a uma profissão técnica qualificante. Com esta parceria queremos também ajudar a mostrar o papel determinante que as escolas secundárias e profissionais têm na preparação de alunos para um mercado de trabalho onde também há espaço para jovens profissionais com formação em área específicas que são essenciais para responder a reais necessidades técnicas das empresas”, reforça Marlene Rosário.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo