Publicidade
Primeira VistaSaúde

Carne, legumes mas sem conservas. O que se sabe sobre o cabaz essencial com IVA zero

Um documento elaborado pelo ministério da Saúde, com o apoio de especialistas da Direcção-Geral de Saúde e de nutricionistas, já terá sido entregue ao ministério das Finanças com o produtos da cabaz a IVA zero, avança uma notícia da SIC.

proposta já dá pistas concretas do que se pode esperar do cabaz, onde devem constar alimentos da roda alimentar como frutas, legumes, leguminosas e cereais, pode ler-se. Outros dos produtos muito consumidos na cozinha portuguesa estão em destaque no documento, como lacticínios, ovos, gorduras vegetais, como azeite. A carne e o peixe são incluídos – com a distinção entre carnes brancas e vermelhas, explica a SIC.

Com a subida dos preços, muita gente acaba por recorrer frequentemente a conservas, como as de atum, para poupar na alimentação. No entanto, a equipa do ministério da Saúde considerou não essenciais as que são feitas à base de peixes e moluscos salgados, assim como de fumados.

publicidade

A equipa de especialistas pode voltar a ser chamada no caso de haver empate de produtos nas negociação.

A versão definitiva do cabaz a IVA zero deve ser apresentada na próxima semana.

Esta medida vai custar 410 milhões de euros ao Estado e será provisória, de abril a outubro deste ano.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo