Local

Cidade-Museu do Azulejo lança visitas para cegos e surdos

Em 2021, Ovar volta a promover o “Maio do Azulejo”, evento de promoção da “Cidade-Museu Vivo do Azulejo”, valorização dos patrimónios – azulejar, arquitectónico, histórico e cultural, formação e sensibilização de públicos. “Por ser a céu aberto, este museu nunca fechou”, declarou Gil Godinho, da Promoção do Território Municipal, durante a apresentação do programa.

De 1 a 30 de maio, o azulejo será protagonista de um programa diversificado, inclusivo e estruturado de acordo com o contexto e as necessidades actuais, as preocupações com a saúde e segurança, individuais e colectivas.

Os passeios pelas ruas azulejadas estão mais inclusivas com a apresentação dos passeios para invisuais e surdos que o Município agora oferece, mediante marcação, para que ninguém fique de fora, anunciou Tânia Guimarães, do mesmo serviço da autarquia.

Para além da possibilidade de visitas orientadas a qualquer hora e dia, de modo autónomo, destaca-se a aposta na experimentação, a oferta de actividades ao ar livre, a apresentação de novas formas de reinventar e explorar o tema “azulejo” e a valorização de espaços emblemáticos da cidade, através das artes performativas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta