SaúdeSlider

Concurso público do Bloco Operatório lançado nos próximos dias

Os ministérios da Saúde e das Finanças autorizaram o Hospital Dr. Francisco Zagalo – Ovar (HFZ-Ovar) a assumir um encargo de cerca de 3,3 milhões de euros para a obra de remodelação e ampliação do Bloco Operatório. Esta decisão do Governo permitirá, finalmente, a abertura do concurso público.

Recebemos esta notícia com alegria e emoção, uma vez que esta decisão do Governo é, sem dúvida, depois de tantos anos, o passo que nos faltava para avançarmos com uma antiga aspiração desta instituição hospitalar”, afirma o presidente do Conselho Diretivo do HFZ-Ovar, Luís Miguel Ferreira, salientando que “estão agora reunidas todas as condições para a abertura do concurso público que deverá ocorrer já nos próximos dias”.

Para o responsável, “a notícia que abre caminho à concretização deste sonho, é resultado de um enorme esforço e luta de muita gente em torno de uma obra da maior importância para o nosso hospital e para

toda a comunidade vareira”.

Para além de todo o trabalho de crescimento realizado em torno do nosso hospital, que duplicou em 4 anos o número de médicos existentes no mapa de pessoal, a viabilização deste investimento mostra, de forma inequívoca, que o Ministério da Saúde conta com este hospital para contribuir para a prestação de cuidados de saúde no contexto do SNS”, sublinha.

Luís Miguel Ferreira destaca o “enorme contributo” da tutela para que o processo seguisse o curso desejado, designadamente as equipas do Ministério da Saúde, da Administração Regional de Saúde do Centro e da Administração Central do Sistema de Saúde que, em articulação com o Conselho Diretivo do HFZ-Ovar, “tudo fizeram” para ultrapassar todas as dificuldades que iam surgindo pelo caminho.

O presidente da instituição hospitalar aproveita a ocasião para agradecer ainda à autarquia que “sempre nos apoiou naquilo que foi sendo necessário neste longo percurso”; à SUCH- Serviço de Utilização Comum dos Hospitais “pelo magnífico e exigente projeto que desenvolveu”; ao PO Centro 2020 “pela aprovação da candidatura de co-financiamento comunitário”; às anteriores equipas diretivas do hospital “que desenvolveram também os seus esforços para viabilizar este projeto”, bem como a todos os profissionais desta instituição que, “com o seu trabalho diário, fazem com que, superiormente, acreditem em nós”.

Se alguém ainda tinha dúvidas quanto ao futuro deste hospital, deve olhar para a viabilização deste investimento e passar a acreditar naquilo de que somos capazes”, remata Luís Miguel Ferreira.

De acordo com as portarias publicadas em Diário da República na passada sexta-feira que vêm assegurar a contrapartida nacional, os encargos totalizam até 2023, para a obra e equipamento, cerca de 3,3 milhões de euros, investimento que conta com apoio comunitário máximo de 2,5 milhões de euros. Prevê-se que até ao final do 1º semestre de 2023 se comecem a operar os primeiros doentes na nova sala de bloco operatório.

O Hospital Dr. Francisco Zagalo – Ovar necessita de proceder à realização de obras de reabilitação/remodelação/ampliação do bloco operatório, celebrando para o efeito o respetivo contrato pelo período de 36 meses, pelo que se autoriza a respetiva assunção de compromisso plurianual”,

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta