LocalSlider

Desassoreamento da Ria adjudicado por 17,5 milhões de Euros

Contrato será assinado na Marina do Carregal, em Ovar

[themoneytizer id=”16574-1″]

A Polis Litoral Ria de Aveiro anunciou, esta quarta-feira, a adjudicação da empreitada de desassoreamento na Ria de Aveiro por 17,5 milhões de euros.

A empreitada de “transposição de sedimentos para optimização do equilíbrio hidrodinâmico na Ria de Aveiro” foi adjudicada a 11 de janeiro a um agrupamento de empresas (Etermar, Manuel Maria de Almeida e Silva e Rhode Nielsen AS), com um prazo de execução de 15 meses.

A obra é constituída por 2 lotes: a norte pelo Lote 1 – Canal de Ovar até ao Carregal, Canal de Ovar até Pardilhó e Canal da Murtosa e a sul pelo Lote 2 – Canal de Ílhavo, Canais do Lago do Paraíso, Canais da Zona Central e Canal de Mira.

Segundo a Polis, está previsto dragar cerca de 1 milhão de m3 de sedimentos nos canais de Ovar até ao Carregal e até Pardilhó, da Murtosa, de Ílhavo (rio Boco), de Mira, no Lago do Paraíso e na Zona Central, numa extensão global de 95 km.

Esta acção é financiada pelo POSEUR– Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, com uma comparticipação de 75%, sendo a contrapartida nacional assegurada pelo capital social proveniente do Estado e pelas Águas do Centro Litoral, no que respeita à estabilização das suas condutas.

O contrato será assinado em cerimónia onde se celebrará o 10.º aniversário da constituição da Sociedade Polis, a realizar-se no próximo dia 2 de Fevereiro, na Marina do Carregal, em Ovar. Após assinatura do contrato, o processo seguirá para visto do Tribunal de Contas, perspectivando-se que as obras tenham o seu início durante do primeiro semestre de 2019.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo