Saúde

Dicas para cuidar do seu companheiro felino

Os gatos são um animal de estimação muito particular. As suas características fazem com
que se tornem independentes sem que deixem de ser meigos. Cuidar deles da melhor
forma irá garantir a verdadeira felicidade do animal. Conheça as nossas dicas para
cuidar do seu felino.

Os gatos são um dos animais de estimação mais comuns nas casas dos portugueses e,
apesar de ser consensual que são animais exigentes, a verdade é que quem os tem sabe
que é muito fácil apaixonarmo-nos pela sua personalidade.
Preguiçosos e independentes, os gatos conseguem gerir os seus dias de uma forma
única, sem precisarem de muitos cuidados. Ainda assim, para garantir a felicidade
destes animais e para dar resposta a alguns dos seus problemas frequentes, é bom que
saiba o que fazer.

Hoje trazemos algumas dicas sobre a forma como pode cuidar do seu companheiro
felino, para garantir que ele é um gato feliz e que combate situações indesejáveis como
eventuais dores ou ansiedade. Venha conhecer as melhores dicas para cuidar do seu
gato.

1. Adapte o espaço da casa ao animal
Os gatos gostam de ter espaços à sua medida e isto significa que um felino poderá ser
mais feliz se tiver em casa estruturas pensadas especificamente para eles.
A existência de arranhadores em casa, de espaços onde possam esconder-se, de camas ou mantas confortáveis para dormirem quentes ou de janelas a partir das quais ele possa
observar o mundo são ideais para tornar o gato mais feliz.

2. Combata dores e depressões
Apesar de serem animais felizes, os gatos têm alguma propensão para a ansiedade e
podem sentir-se deprimidos.
Um produto muito útil para combater estas situações e também quaisquer dores que o
animal possa sentir é o óleo de CBD para gatos.

3. Permita o acesso à rua
Sair de casa não é imperativo para os gatos castrados e domésticos. Ainda assim, se
permitir que o gato saia para um quintal ou uma varanda, isto irá contribuir para a sua
felicidade.

4. Dê-lhe carinho e brinque com ele
Apesar de independentes, os gatos gostam de ser acarinhados. Esses momentos de
partilha devem ser procurados pelos gatos – sendo que estes não apreciam que o dono
decida quando fazê-lo – e contribuem para que o gato se sinta acompanhado e feliz.

5. Ocasionalmente ceda aos caprichos alimentares
Embora o melhor seja manter uma alimentação equilibrada, com base na ração
recomendada pelo veterinário, ocasionalmente poderá recompensa-lo com um mimo
extra.
Uma guloseima ocasional, de que os gatos tanto gostam, pode ser uma forma muito
positiva de mimar o felino.
Ainda assim tenha em consideração que este tipo de alimentação deve ser ocasional, já
que, para que o gato possa manter-se feliz e saudável, é essencial que o global da sua
alimentação seja equilibrada e sadia.

6. Leve o felino ao veterinário
Tal como as pessoas, os gatos devem fazer visitas de acompanhamento ao médico ou,
neste caso, ao veterinário.
Leve-o nestas visitas para ser desparasitado, para receber vacinas e para acompanhar o
seu estado de saúde.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo