LocalSlider

Dois anos e meio de pena suspensa para marido violento (NA)

O tribunal de Aveiro condenou um homem, de 41 anos, de Arada, a dois anos e meio de prisão, por crimes de violência doméstica.

O serralheiro, detido desde maio passado, respondeu ainda por resistência e coacção sobre funcionários, no caso militares da GNR que o abordaram em Arada, Ovar, quando, empunhando uma chave de fendas, tentava obrigar a filha, de 21 anos, a dizer onde estava a mãe.

O arguido disse ao tribunal que “também era provocado” pela ex-mulher, negando que fosse matá-la. “A minha intenção com a faca era matar-me e acabar com aquilo”, contou no início do julgamento. (Ler artigo completo)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta