CiclismoDesporto

EFAPEL anima Volta a Portugal com exibição de relevo

Jóni Brandão e António Carvalho são o 4.º e 6.º classificados da Volta a Portugal Edição Especial Jogos Santa Casa, que terminou hoje em Lisboa, com um contrarrelógio individual de 17,7 km. Os dois corredores da Equipa Profissional de Ciclismo EFAPEL estiveram em grande destaque neste esforço individual, sendo que António Carvalho fez o 2.º melhor tempo da prova e o líder Brandão foi o 4.º mais veloz. Dois registos notáveis e duas brilhantes exibições.

Foi a Praça do Comércio, na capital, que recebeu o desfecho da prova rainha do calendário nacional e consagrou Amaro Antunes (W52-FC Porto), vencedor desta edição especial de Volta. A EFAPEL deu espetáculo nos derradeiros 17,7 km de exercício individual neste feriado, que remataram a mais importante competição lusa. António Carvalho, especialista na disciplina de contrarrelógio, gastou apenas mais 8 segundos que o vencedor da etapa, Gustavo César Veloso (W52-FC Porto). Já Jóni Brandão, embora não sendo contrarrelogista, também finalizou esta edição de Volta com uma prova brilhante, que rematou com o 4.º lugar.

Em jeito de conclusão, a EFAPEL alcança o 4.º lugar da Geral Individual com Jóni Brandão e o 6.º com António Carvalho, que subiu dois lugares de ontem para hoje na tabela. A formação de Ovar leva para casa duas vitórias de etapa – chegada à Torre e etapa de ontem, que terminou em Setúbal – e no crono de hoje faz o 2.º e 4.º melhores registos da prova, sempre com a mesma dupla de corredores, neste caso Carvalho e Jóni Brandão, respetivamente.

Rúben Pereira, diretor desportivo da EFAPEL, faz um “balanço bastante positivo para toda a estrutura”, desde ciclistas, staff e patrocinadores. “Levamos duas vitórias em etapa e um brilhante 2.º lugar hoje, 3.º por Equipas, 4.º e 6.º à Geral. Só posso estar satisfeito e afirmar que foi uma Volta bem conseguida por todos. Certamente que no próximo ano regressaremos com a mesma missão de animar as estradas portuguesas e dar espetáculo”, terminou.

CLASSIFICAÇÕES:
VOLTA A PORTUGAL EDIÇÃO ESPECIAL JOGOS SANTA CASA

CLASSIFICAÇÃO GERAL INDIVIDUAL NA 8.ª ETAPA
8.ª ETAPA » Lisboa – Lisboa: 17,7 km de Contrarrelógio Individual

1.º Gustavo César Veloso (W52-FC Porto), 21m34s
2.º António Carvalho (EFAPEL), a 08s
4.º Jóni Brandão (EFAPEL), a 17s
25.º Sérgio Paulinho (EFAPEL), a 01m10s
27.º Tiago Machado (EFAPEL), a 01m13s
49.º César Fonte (EFAPEL), a 01m55s
70.º Rafael Silva (EFAPEL), a 02m29s

CLASSIFICAÇÃO GERAL EQUIPAS NA 8.ª ETAPA
1.ª W52-FC Porto, 01h05m39s
2.ª EFAPEL, a 38s

CLASSIFICAÇÃO GERAL INDIVIDUAL – AMARELA (após a 8.ª Etapa)
1.º Amaro Antunes (W52-FC Porto), 29h28m57s
4.º Jóni Brandão (EFAPEL), a 01m23s
6.º António Carvalho (EFAPEL), a 01m52s
23.º Rafael Silva (EFAPEL), a 19m31s
29.º César Fonte (EFAPEL), a 27m41s
50.º Sérgio Paulinho (EFAPEL), a 01h02m15s
58.º Tiago Machado (EFAPEL), a 01h17m30s

CLASSIFICAÇÃO GERAL EQUIPAS
1.ª W52-FC Porto, 88h28m57s
3.ª EFAPEL, a 11m47s

CLASSIFICAÇÃO GERAL PONTOS – VERMELHA
1.º Luís Gomes (Kelly-Simoldes-UDO), 149 Pontos
4.º António Carvalho (EFAPEL), 78 Pontos
11.º Jóni Brandão (EFAPEL), 44 Pontos
28.º Rafael Silva (EFAPEL), 12 Pontos
44.º Sérgio Paulinho (EFAPEL), 3 Pontos

CLASSIFICAÇÃO GERAL MONTANHA – VERMELHA E BRANCA
1.º Hugo Nunes (Rádio Popular-Boavista), 55 Pontos
4.º Jóni Brandão (EFAPEL), 20 Pontos
7.º António Carvalho (EFAPEL), 13 Pontos

O Capitão da EFAPEL, Sérgio Paulinho, foi chamado ao pódio para receber o “Prémio Sacrifício”, atribuído todos os anos, do qual fica o registo.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo