LocalPrimeira Vista

Estádio Marques da Silva vendido a empresário de Fafe

O administrador de insolvência informou o Tribunal do Comércio de Anadia, onde o processo de insolvência da AD Ovarense corre termos, que surgiu uma proposta de aquisição do emblemático Estádio Marques da Silva. Passado o prazo de auscultação e não tendo surgido qualquer reclamação de credores, Elmano Vaz disse ao Tribunal que ia avançar para a conclusão da venda.

O agente de execução acrescentou que a proposta é de 425 mil euros para a aquisição do estádio alvi-negro e marcou a realização da escritura para o passado dia 20 de Janeiro, curiosamente, data limite para a AD Ovarense Futebol abandonar as instalações.

Recorde-se que aquando da sentença de insolvência, em 2010, a base de licitação do terreno e edificado de 19.200 metros quadrados era de 638 mil euros. No entanto, o administrador de insolvência disse que aceitava fechar negócio, por negociação particular, caso surgisse uma proposta de meio milhão de euros, metade do valor por que foi inicialmente avaliado.

Sucede que terá recebido uma proposta por um pouco menos apresentada por um empresário de Fafe, em finais de 2019, fechando negócio agora.

O terreno inclui ainda, como se sabe, o pavilhão gimnodesportivo com usufruto a favor da Ovarense Basquetebol.

O estádio está a ser utilizado pela Associação Desportiva Ovarense Futebol, um novo clube que tem sua equipa sénior masculina a disputar o campeonato Sagseg e feminina na Liga BPI.

Neste momento, o Tribunal aguarda apenas que Elmano Vaz junte a escritura ao processo para concluir a liquidação da insolvência.

Segundo foi possível apurar, os dirigentes vareiros já foram informados. Aliás, a AD Ovarense foi notificada para sair do estádio nesta sequência.

Adeptos e associados já questionam o silêncio dos dirigentes perante a evolução do processo.

Contactado Elmano Vaz, este não confirmou nem desmentiu: “Sobre o processo da Ovarense já disse tudo o que tinha a dizer”.

A Câmara Municipal de Ovar oferece a possibilidade de apoio financeiro que pode ir até aos 50% do total de uma aquisição para fins desportivos.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo