Cultura

Este ano, o “Na Kalha” vai até ao Furadouro

O festival de artes de rua ‘Na Kalha’ tem encontro marcado na cidade de Ovar nos dias 17, 18 e 19 de setembro. A organização é do Colectivo Terylene, constituído por Nuno Pinto, Carlos Silva e Leonor Bandeira, que anuncia três dezenas de espectáculos por companhias oriundas de seis países.

Serão três dias com espectáculos de várias vertentes: o teatro de marionetas, circo de rua, estátuas vivas e música na rua. Outra particularidade do certame é que os espectáculos vão realizar-se em locais onde seja possivel o cumprimento das normas sanitárias, devendo passar alguns deles pelo Parque urbano, Rua Cândido dos Reis ou Praça das Galinhas e ainda na avenida Marginal do Furadouro.

Dos nomes já conhecidos que passarão pelo certame, destaque para Karkocha, mimo chileno de nascença, famoso em todo o mundo por juntar multidões e entusiasmar grandes e pequenos. Também pela primeira vez em Portugal, o britânico Sam Goodburn apresenta ‘Wire Attire’.

Sam Goodburn conta com atuações em todo o mundo, da Nova Zelândia à Nicarágua. O colectivo quer envolver a população e contribuir para dinamização do comércio local, sempre no escrupuloso respeito das mais elementares regras de segurança e de saúde pública.

Os espectáculos cumprirão as regras, tanto de distanciamento, higienização, controlo de acesso, utilização de meios de protecção, entre outras que poderão vir a ser definidas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta