Local

Família síria espera que o Ano Novo lhe traga um trabalho (Público)

É sábado de manhã e as miúdas brincam no pátio das traseiras de casa, onde estão as bicicletas e um baloiço. Dimas, de nove anos, mostra com um grande sorriso um desenho feito na escola. As irmãs Inas, de sete anos, e Rimas, de quatro, andam entretidas na brincadeira e Dimas junta-se a elas. Riem, correm, caem, levantam-se, riem-se novamente.

Em cima da televisão da sala, está um pequeno anjo de cartolina, mais um trabalho feito na escola que agora frequentam. Dimas está no 2.º ano, Inas no 1.º, Rimas no pré-escolar. A primeira família de refugiados sírios a entrar em Portugal começa uma nova vida num bairro de casas amarelas, às portas da cidade de Ovar. (Ler mais in Público)

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo