Life&Tek

Fim dos combustíveis fósseis. Até 2050 “é possível”.

A meta de 2030 para o fim dos combustíveis fósseis “é irrealista”, na opinião do especialista José Carlos Matos, responsável pelo grupo de energia eólica do Instituto de Ciência e Inovação em Engenharia Mecânica e Engenharia Industrial, do Porto – INEGI.

“O ano de 2030 não é uma opção realista”, diz José Carlos Matos à Renascença, avaliando a proposta que tem sido avançada por muito jovens ativistas em defesa do clima.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo