Desporto

Futebol: O renascimento do Válega (AFA)

Há um clube a renascer das cinzas na Série B da 2.ª Divisão Distrital de Aveiro. Depois de um ano complicado, marcado por um processo eleitoral conturbado e por uma série de goleadas que deixaram o clube na cauda do campeonato com 196 golos sofridos, o Centro Cultural e Recreativo de Válega juntou os cacos, reestruturou-se e, hoje, discute cada resultado até ao limite. Uma mudança radical, que teve na vitória do último fim de semana, frente ao Mosteirô FC (3-2), mais um passo importante.

26 jogos depois, nos quais somou 25 derrotas e um empate, o Válega voltou a vencer para a 2.ª Divisão Distrital de Aveiro. E logo diante do terceiro classificado do campeonato, o Mosteirô FC, num jogo em que Pedro Simeão, por duas vezes, e Tiago Figaldo fizeram o gosto ao pé. “A vitória foi difícil, mas muito importante. A equipa já merecia”, refere Amadeu Pereira, tesoureiro e responsável pela equipa sénior. Para trás ficaram tempos complicados, nos quais aconteceu um pouco de tudo ao clube.

“As goleadas eram constantes”, recorda, justificando os maus resultados com “as divisões internas na Direção” que existiam nessa altura, que levou à “criação de uma equipa sénior de uma forma algo caricata”. Mas isso nem foi o pior. (Ler artigo in AFAtv)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta