Empresas

Grupo de voluntários mobiliza-se para apoiar tecido económico

Perspectivando o contexto económico provocado pelo coronavírus, formou-se, no concelho, o Grupo de Apoio a Comerciantes e Empresários do Concelho de Ovar (GACEMO) com o objectivo de ir ao encontro dos comerciantes, empresários e profissionais liberais, no esclarecimento de questões relacionadas com o impacto das resoluções governamentais que impõem medidas restritivas às respectivas actividades dentro do Município.

Trata-se de uma equipa multidisciplinar de voluntários que visa prestar apoio e esclarecimentos relacionados com as consequências e o impacto decorrente das medidas restritivas impostas à actividade comercial e industrial nas mais vastas áreas, desde a área financeira, económica, jurídica e logística, entre outras.

O GACEMO pretende ser uma ferramenta de trabalho inclusiva e destinada exclusivamente a quem tiver actividades sediadas no Município de Ovar, quer se encontrem constituídos sob a forma de sociedades comerciais, quer como empresários ou profissionais em nome individual (ENI).

Para o efeito, os interessados em aderir ao apoio do GACEMO deverão remeter um email para o endereço: [email protected] com os seguintes elementos:
– Nome completo;
– Identificação da empresa ou entidade e o respectivo objecto social ou actividade;
– Número de contribuinte (NIPC no caso de sociedades ou NIF no caso de ENI).

Após o envio dos elementos supra e do pedido de adesão, num curto lapso de tempo os proponentes receberão os elementos necessários para a conclusão do procedimento de admissão à página do grupo de trabalho, podendo assim expor as questões que entendam convenientes.

O GACEMO garante a privacidade e a protecção dos dados pessoais dos comerciantes e empresários do município de Ovar, pelo que “todos os procedimentos respeitarão os princípios da protecção de dados pessoais e o cumprimento da legislação aplicável ao respectivo tratamento”.

Henrique Araújo, da comissão de gestão do GACEMO, assegura que são muitos os comerciantes e empresários que já começaram a aderir ao grupo de voluntários que se coloca ao inteiro dispor do tecido económco vareiro, preparando-o para enfrentar os desafios futuros.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta