Publicidade
CarnavalPrimeira Vista
Em Destaque

“Hippies Alive” enchem o palco da Ribeira no “warm up” das marchas

A primeira banda confirmadamente nascida no seio de um grupo do Carnaval de Ovar, esteve no palco da Ribeira de Ovar na noite que antecede as Marchas.

“Hippies Alive” – assim se chama, é uma “banda de rock’n’cenas” que surge, pois, no seio do Grupo Carnavalesco “Os Hippies”, do Carnaval de Ovar.

“Este agrupamento musical toca versões de tudo e tem como objetivo animar espaços de diversão noturna”, diz nota explicativa divulgada pelos Hippies, acompanhada de um alerta: “A qualquer momento pode deixar de existir portanto as datas anunciadas deverão ser bem aproveitadas!”

publicidade

A banda tem Ricardo Matos (Pinguim) na guitarra e voz, Luis Pinto (Pinto) no Sax/voz, Mateus Pereira (amigo Vegy) bateria, Alexandre Pires (finex) percussão, Luis Alves (Mirolho) guitarra ritmo, Jorge Cunha (Cunha) guitarra ritmo1, David Moises (Pres.) baixo, Frederico Pinto (Fred) teclados/voz, e Joao Leal (Jon Jon) Guitarra solo/voz.

Na prática, é tirar do anonimato a hiper-talentosa malta dos Hippies que passa os jantares todos de Carnaval, Natal e outras datas festivaleiras, a dar música à malta vareira.

“Como era só covers, era para ser os Tributo a Nada, mas optámos por manter o nome de banda que anima os eventos dos Hippies” – diz Luís Pinto, elemento do grupo e da banda.

Ao vivo, é raro apareceram para toda a gente ver – já estiveram no Buraco e no Azulejo, ontem na Ribeira e desconhecemos se têm planos para uma digressão internacional.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo