Publicidade
Local

Homicida de mulher no Porto entrega-se às autoridades em Estarreja

O homem que alegadamente matou esta segunda-feira uma mulher de cerca de 40 anos, em Paranhos, no concelho do Porto, entregou-se às autoridades no posto da GNR de Estarreja.

O caso transitou para a alçada da Polícia Judiciária (PJ) que deteve o homem pela prática do crime de homicídio qualificado.

Na ocasião, o detido, que vinha controlando os movimentos da vítima, sua namorada e sócia, surpreendeu-a no seu local e trabalho.

publicidade

“Movido por ciúmes e num quadro de premeditação, empunhou uma espingarda caçadeira e efetuou dois disparos, atingindo mortalmente a mulher”, descreve o comunicado da PJ.

De seguida, colocou-se em fuga, vindo a entregar-se no posto da GNR de Estarreja, cidade onde a PJ se encontrava já no seu encalce.

O detido, de 51 anos, vai ser presente à autoridade judiciária competente para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação.

Publicidade
Botão Voltar ao Topo