Opinião

Inovar, claro – Ricardo Alves Lopes

Não tenho grandes mensagens para abordar, neste pequeno texto. Não quero ter semana após semana uma grande conclusão ou uma grande ideia. Isso não faria sentido.

Sou observador, considero-me interessado, mas não tenho o condão de ser muito mais que os outros. Nem queria essa bênção. Fosse eu mais que os outros e estaria sozinho, afastado e distante. Quero ter traços comuns, mas pensamentos unos. Ser um no meio de muitos não me aflige, logo que tenha pensamentos próprios, rumos por mim estabelecidos.

Ovar, a nossa cidade, espero que seja igual a mim. O trabalho feito tem sido extraordinário, tem criado bases que nos permitem sonhar, e objecticvar, chegar a outro patamar. Mas, conforme normalmente acontece, o bom traz o mau a reboque.

É importante que as pessoas tenham a compreensão de que não se pode ter todas as semanas uma enorme novidade, um grande evento ou promoção da cidade. O repetitivo perde, por si, a capacidade de ser diferenciador. Devemos elevar a fasquia, pois claro que devemos, mas baixá-la, por vezes, também não é sinónimo de fraqueza. A gestão acontece em todas as áreas e a das expectativas não pode ser diferente.

Ovar está a ser um centro de boas energias, uma renovação de metas e uma clara procura de debelar a crise existente, com apoios às empresas, sejam financeiros ou de ajuda à promoção, mas também de apoio ao surgimento da voz e ideias do povo, aos jovens criadores, à definição de rumos.

Assim, caros conterrâneos, não podemos reclamar e devemos exigir que se continue a procurar mais e melhor caminho. Contudo, supormos que todas as semanas será semana de um grande comunicado, de uma grande vitória, não será um caminho muito seguro. Será, talvez, um grande motor de desilusão. As coisas não se passam assim, nem podem ser assim. Para sermos bons, não precisamos de inovar todos os dias. Precisamos de inovar quando assim é necessário.

Ricardo Alves Lopes (Ral)
http://tempestadideias.wordpress.com
[email protected]

Artigos Relacionados

One Comment

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo