Publicidade
CulturaPrimeira Vista

Lançadas as bases para a criação do Museu do Azulejo de Ovar

O embrião para o que há-de ser o Museu do Azulejo de Ovar foi aprovado, por unanimidade, em sede de reunião do executivo, após proposta que o presidente Salvador Malheiro considerou ser da “maior importância para a
preservação e promoção da identidade do Município ligada ao Azulejo, que há muito tempo se imponha concretizar”.

Sem se referir ao local onde pode ficar instalado mas que chegou a ser apontado ao antigo cine-teatro de Ovar, o autarca social-democrata considerou, ainda, que “a presente proposta está bem elaborada”.

O vereador socialista, Alcides Alves, felicitou a Câmara Municipal pela formulação desta proposta, “fazendo votos que esta ideia se concretize, porque há muito se justifica um Museu
do Azulejo, numa cidade que se intitula Cidade Museu do Azulejo e que possui uma das maiores e melhores “galerias” do azulejo do País e mesmo a nível internacional.

publicidade

O vereador António Bebiano felicitou os serviços pelo trabalho desenvolvido, considerando que este projeto não deve ficar confinado à cidade de Ovar, mas deve ser alargado a todo o concelho, nomeadamente ao norte do concelho.

Segue-se a aprovação do documento fundador e a tramitação do procedimento.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo