Local

Maceda: Nunca é tarde para aprender a sorrir (DA)

A vida nunca foi muito de sorrir para David Ferreira. O desfiar dos dias que leva em 42 anos de existência mostrou-lhe cara feia muitas vezes. Demasiadas vezes, diríamos. Entre o abandono familiar e o acolhimento de desconhecidos, há um episódio de cerca de um ano a dormir ao relento.

Tudo, depois de uma infância bastante atribulada. As marcas das dificuldades que David passou desde que nasceu ficaram-lhe cravadas, sobretudo, na boca. A ausência de dentes acompanha-o desde muito jovem e traz-lhe, ainda, mais dificuldades. Corrigimos. Acompanhava-o e trazia-lhe, ainda, mais dificuldades. Assim é que está correcto. O presente já é diferente.

David, natural de Maceda, em Ovar, pode, finalmente, sorrir. Sem vergonha, ao contrário do que fez até à passada terça-feira. Nunca a ex­pres­são “sorrir com os dentes to­dos” fez tanto sentido. Torna-se, também, importante referir quem devolveu (literalmente) o sorriso a David Ferreira: a S. Tiago Medical Center, em Rio Meão, e a Nobel Biocare Portugal.

Permita-nos que comecemos pelo final. Por um sorriso indescritível por palavras – ainda bem que a fotografia foi inventada –, que David apresentou a quem assistiu a um dos momentos mais marcantes da sua vida. David vestiu o seu melhor sorriso. Um sorriso de gala que não foi apenas “de orelha a orelha”. Um sorriso que se estendeu a todo o corpo que parecia electrificado de alegria. Um sorriso que lhe assenta muito bem. O sorriso no qual não vamos gastar mais palavras, assumindo, mais uma vez, a impossibilidade de o traduzir. (Ler artigo completo in Diário de Aveiro – Foto: LumeWorld)

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo