CulturaPrimeira Vista

Manel Cruz agora, Get the Blessing e Albano Jerónimo a seguir

[themoneytizer id=”16574-1″]

Manel Cruz é um dos merecidos destaques da programação do Centro de Arte de Ovar (CAO) para o último trimestre do ano.

Esta noite, o ex-vocalista dos Ornatos Violeta vem apresentar os singles “Beija-Flor” e “Ainda Não acabei”, os dois avanços que antecedem a edição de novo álbum que foi lançado no mês de Abril.

Após uma actuação no Rock in Rio, passa agora por Ovar. Destaques ainda para o projecto “Get the Blessing” (3 de Outubro), “I Love Satie” (12 de Outubro) e “Veneno” (23 de Novembro). Este último espectáculo, da autoria de Cláudia Lucas Shéu e com direcção e interpretação de Albano Jerónimo, é uma coprodução CAO e aborda as consequências da falência social e a extinção da entidade familiar.

A propósito desta peça, o CAO acolhe uma masterclass de interpretação, leccionada pelo actor e encenador Albano Jerónimo, nos dias 21 e 22 de Novembro. Fátima Alçada destacou a presença do actor português em Ovar e sublinhou a “gratuitidade destas acções, que noutros municípios custam bom dinheiro”.

Depois, há o habitual acolhimento aos espectáculos de instituições locais, dos Amigos do Cáster, Orquestra de Bandolins de Esmoriz ou a Contacto.

Na apresentação pública da agenda do CAO, o vereador da Cultura da Câmara Municipal, Alexandre Rosas, disse que há uma “aposta renovada na cultura, com novos eventos na rede local de espaços que inclui o CAO, Museu Júlio Dinis e Escola de Artes e Ofícios”. Um trabalho que afirmou estar a ser levado a cabo com objectivos bem definidos. “É sempre difícil fidelizar públicos e é preciso dar tempo ao tempo, sabendo que estamos no caminho certo”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo