LocalPrimeira Vista

Mar do Furadouro está a dar carapau miúdo há vários dias (DA)

Há mais de uma semana que o mar do Furadouro está a dar centenas de quilos de carapau miúdo, numa situação que contrasta com a escassez que viveu no verão. Aproveitando a calmia do oceano nas duas últimas semanas, a companha de pesca artesanal tem-se feito ao mar e, para sua surpresa, as redes surgem carregadas de peixe.

“O problema é que é carapau pequeno que ninguém compra”, explicou uma peixeira do Furadouro que não quis ser identificada. A solução tem sido deitar quilos e quilos de peixe miúdo, em especial carapau, ao mar. “Devia haver quem fiscalizasse isto, porque está-se a matar o peixe antes dele crescer e a dar cabo dos recursos”, lamenta a varina do Furadouro que, no entanto, reconhece as dificuldades por que passam as companhas de pesca “que não facturaram no verão devido à escassez que vivemos este ano”. O problema, na sua óptica, “é que depois vão-nos obrigar a parar de trabalhar para repor stocks e aí é que vai ser uma desgraça”.

Segundo um outro pescador da praia, “o mercado está cheio de peixe desse tamanho, que é apanhado essencialmente junto à costa”. “Por exemplo, eu tenho 180 redes colocadas ao largo para apanhar peixe galo e, na última semana, apanhei apenas um e isso dá uma ideia da miséria que o mar está”.

Este pescador vareiro diz que o mesmo sucede com as traineiras que passam e que também se queixam que não pescam nada. “Só está a dar peixe pequeno junto à costa, porque devem andar cardumes de peixes juvenis, por aqui, a alimentar-se”.

“A questão é que o mar não costuma a estar tão chão nesta altura do ano, do modo a permitir a pesca da Xávega, mas estando assim eles vão e apanham o que vem à rede”.  Mas o azar de uns é a sorte de outros e o OvarNews sabe que as peixeiras que vendem na rua, ainda conseguiram vender para cima de centenas de cabazes no Furadouro e em Ovar.

Não foi possível contactar a companha que tem andado à pesca no Furadouro.

(Foto: Mário Jorge Cunha / Ler artigo in Diário de Aveiro)

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo