Publicidade
Cultura

Marchas Populares são ponto alto da festa – Estarreja

As Marchas Populares de Santo António, em Estarreja, são feitas de cor, animação, música popular, coordenação dos participantes com trajes próprios e arcos devidamente ornamentados. Realizam-se nesta quarta-feira, véspera do feriado municipal, com a participação de sete  coletividades e mais de 750 marchantes que cantam e desfilam, numa das noites mais participadas das festas.
A partir das 21h30, entre a Av. 25 de Abril e a Alameda do Parque, as marchas participantes desfilam por temas (por ordem de desfile):
Fundação Cónego Filipe Figueiredo – “50 anos de Liberdade” | Associação Cultural e Recreativa Unidos do Agro – “As Ceifeiras” |
Associação Cultural e Recreativa A Esteira de Veiros – “Há festa no cais” | Associação Recreativa e Cultural Grupo de Samba Os Morenos
– “Festas dos Tabuleiros de Tomar” | Associação Cultural e Recreativa Saavedra Guedes – “Os Lavradores” | Associação Cultural e Recreativa
e Escola de Samba Vai Quem Quer – “Popularmente falando, bem-vindos à feira dos doces” | Sociedade Recreativa e Musical Bingre
Canelense – “Namoro à moda antiga”.
Às 23h30, realiza-se o Baile Popular Miguelito da Concertina. Neste baile, respira-se alegria e boa disposição. O jovem músico, natural de Salreu, toca concertina desde muito cedo, 9 anos, uma paixão que “herdou” do seu pai, tocador de acordeão.
Miguel da Concertina garante muita animação ao som da música popular portuguesa. A pares, em baile de roda ou a cantar o “vira”, perguntamos: “Está pronto para o baile?”
24h | Entrega de Prémios às Marchas Vencedoras

Publicidade
Botão Voltar ao Topo